Imogestin lança nova centralidade de Saurimo

Ana Tavares |
Imogestin lança nova centralidade de Saurimo

De acordo com a Angop, este contrato foi assinado por Rui Cruz, presidente do Conselho de administração da Imogestin, na qualidade de empresa gestora dos projetos habitacionais do Estado, e Francisco Pinto, presidente da Griner.

Esta empreitada prevê a construção de edifícios residenciais e infra-estruturas sociais. Numa primeira fase, serão construídos 4 edifícios de 4 pisos e outros 4 de 8 andares, num total de 212 fogos, bem como 12 espaços comerciais, escola, posto de saúde e esquadra. O prazo de execução é de 15 meses.

Quando concluída, esta nova urbanização terá um total de 925 fogos e 24 espaços comerciais, bem como 2 escolas, 2 creches, parque infantil, campo desportivo, áreas verdes, ETA, ETAR e central eléctrica.

A mesma fonte recorda que a Lunda Sul é uma das províncias do país que ainda não beneficiou da construção de novas centralidades, a par do Zaire, Cuanza Norte, Malanje, Cuando Cubango, Cunene ou Moxico.