Hoteleiros esperam continuação do crescimento em 2018

Ana Tavares |
Hoteleiros esperam continuação do crescimento em 2018

 

Os hoteleiros acreditam que todos os indicadores da hotelaria vão registar uma melhor performance no próximo ano, à exceção da estada média. 89% dos inquiridos esperam uma melhor receita total e de alojamento, 86% um melhor ARR e 85% um melhor RevPar.

Os profissionais com unidades em Lisboa e no Norte do país são os mais otimistas no que concerne os aumentos da receita total e de alojamento, com 93% a responder positivamente.

Quanto à taxa de ocupação, os Açores e o Alentejo estão mais otimistas quanto a melhorias, com 83% e 81% dos inquiridos, respetivamente, a indicar no inquérito que o próximo ano será mais positivo.

EUA, China e Brasil são os mercados emergentes

Os inquiridos neste relatório reportam que os principais mercados para a sua unidade hoteleira são o português, no caso do Norte, Centro, Alentejo e Açores, francês, no caso de Lisboa, e o Reino Unido, no caso do Algarve e da Madeira. A Espanha é o segundo mercado no Norte, centro e Alentejo.

Mas as novas oportunidades nos mercados emissores estão no mercado americano (26%), chinês (22%) ou brasileiro (21%), sendo que os hoteleiros estão também otimistas em relação às novas rotas aéreas com foco nos voos para o Atlântico Norte, EUA e China.