Graça Residences soma 46 apartamentos à oferta da Graça

Ana Tavares |
Graça Residences soma 46 apartamentos à oferta da Graça

 

O Graça Residences é composto por um conjunto de 4 edifícios de 4, 5 e 6 pisos, com 46 apartamentos T1 a T4 Duplex e áreas entre os 51 e os 201m², com varandas, terraços e jardins privativos, bem como uma área de jardim comum e 60 lugares de estacionamento.

A Estoril Real Estate acredita que este empreendimento «é um moderno espaço de habitação para quem valoriza o máximo conforto e tranquilidade num bairro com história e tradição, desenhado pelo prestigiado arquiteto Frederico Valsassina. O projeto disponibiliza apartamentos com magníficos espaços exteriores, incluindo amplos jardins de uso comum e privativo, apoiados por três espaços comerciais e estacionamento».

Por outro lado, a promotora considera que «os apartamentos do Graça Residences privilegiam a funcionalidade e conforto, com opções de materiais e acabamentos que oferecem uma excelente qualidade e design, e foram igualmente pensados para proporcionar aos moradores agradáveis espaços exteriores privados com áreas circulantes e arborizadas, com vistas panorâmicas únicas sobre a cidade de Lisboa».

A Castelhana Real Estate e a Porta da Frente | Christie’s foram escolhidas pela promotora para a comercialização deste novo empreendimento. Patrícia Clímaco, sócia da Castelhana, comenta em comunicado que «o Graça Residences é sem duvida uma oportunidade de investimento impar e que vem renovar a oferta residencial desta zona histórica e carismática de Lisboa. O condomínio privado conjuga o conforto, a elegância, a tradição e a modernidade, com os espaços exteriores com vistas magnificas sobre a cidade, tornando assim este projeto a escolha ideal para quem procura qualidade, varandas ou terraços e garagem privativa», conclui.

Já Rafael Ascenso, diretor geral da Porta da Frente I Christie’s, acredita que «estamos perante um empreendimento de qualidade superior implantado num local ideal para viver em Lisboa, onde é possível usufruir da atmosfera mágica de um bairro típico que é um verdadeiro tesouro da colina mais alta de Lisboa».