Escrituras podem passar a incluir modo de pagamento

Ana Tavares |
Escrituras podem passar a incluir modo de pagamento

A notícia é avançada pelo Negócios, segundo a qual a ideia é evitar negócios simulados ou branqueamento de capitais, fazendo parte de um pacote de propostas de lei destinadas a aplicar as orientações europeias relativas à prevenção do branqueamento de capitais e do financiamento do terrorismo.

Arrendamentos acima dos 2.500 euros podem também ser abrangidos por esta medida.