Escritórios contratados em fevereiro quebram 38%

Ana Tavares |
Escritórios contratados em fevereiro quebram 38%

 

Os números divulgados pela Savills Aguirre Newman mostram que, nos 2 primeiros meses do ano, foram registadas 31 operações de colocação de escritórios, o mesmo número que em igual período de 2017.

Teresa Cachada, analista do departamento de Consultoria da Savills Aguirre Newman, comenta que «analisando os dois primeiros meses de 2018 verificou-se que foram efetuadas 13 transações referentes a empresas em expansão. Os 10.845 m² de área contratada por estas empresas representam 49% no mercado de escritórios. Um sinal de que apesar de se encontrar estagnado, mantem boas perspetivas de consolidação». E completa que «o mercado continua dinâmico e confiante como provam as áreas contratadas por empresas que se encontram em crescimento».

O maior número de operações em janeiro e fevereiro registou-se na zona CBD, com 7 transações, por oposição à Zona 4, que não registou qualquer transação. A Zona Emergente foi a que mais se destacou em termos de colocação de área, tendo sido responsável por 5.321 m², 24% da área tomada.

71% das transações registaram uma superfície superior a 300 m², sendo que apenas 9 transações se registaram abaixo deste valor. A superfície média contratada diminuiu 30% para 713 m², e toda a área contratada nestes dois meses foi referente a edifícios usados.