Edifício da EDP no Porto com grau de Acessibilidade Universal de 91%

Ana Tavares |
Edifício da EDP no Porto com grau de Acessibilidade Universal de 91%

Este edifício conta agora com o dístico que classifica as condições de acessibilidade universal e que assegura a todos uma igual oportunidade de uso, de uma forma direta, imediata, permanente e o mais autónoma possível.

O Sistema de Classificação de Acessibilidade Universal permite identificar as melhorias necessárias para que o espaço avaliado se torne mais acessível e cómodo para todos ao nível físico, sensorial e cognitivo. O sistema tem como público-alvo todos os cidadãos, portadores de deficiência ou não, e pretende disponibilizar informação detalhada das condições de acessibilidade, facilitando a capacidade de escolha consciente. Podem submeter-se a esta avaliação proprietários de espaços abertos ao público ou empresas que queiram diferenciar-se através das boas práticas em condições de acessibilidade e desenho universal.

A EDP tem vindo a desenvolver várias iniciativas de promoção e incorporação de uma cultura de diversidade e inclusão, através da sua área de Diversidade e Inclusão, que esteja presente na identidade do grupo e na gestão dos seus colaboradores e que sirva como referência para a atuação interna e externa da organização.