CGD coloca o centro comercial Nova Arcada à venda

Susana Correia |
CGD coloca o centro comercial Nova Arcada à venda

Tirando partido do bom momento que atualmente se vive no mercado de investimento imobiliário em Portugal, e do apetite por ativos de dimensão relevante; a CGD iniciou o processo de alienação deste centro comercial com 68.532 m² de Área Bruta Locável, com o convite a diversos investidores imobiliários para apresentar propostas competitivas.

A promoção do Nova Arcada foi iniciada pela extinta Chamartin Imobiliária e com financiamento da CGD. A crise financeira e o colapso da empresa promotora levaram a que o centro comercial ficasse parado em obra, por vários anos.

Já sob gestão da CGD e com a contratação da Sonae Sierra como gestor do centro comercial, foi possível inaugurar em Março de 2016. Para a abertura muito contribuiu a decisão da IKEA em ali instalar uma loja âncora com 22.000 m², bem como o papel desempenhado pelo grupo Sonae, com a abertura do maior hipermercado Continente da região norte e com a instalação das suas principais insígnias no Nova Arcada.

Inserido numa das cidades mais jovens e empreendedoras, centro de uma das regiões mais dinâmicas do ponto de vista económico em Portugal, o centro comercial Nova Arcada tem em Braga um concorrente de peso, o BRAGA Parque da Mundicenter, que reúne as insígnias de referência, incluindo uma loja FNAC e uma Primark. Mas, mesmo com esta concorrência, o centro tem melhorado a sua performance, beneficiando abastante da popularidade da loja IKEA junto dos clientes espanhóis da Galiza, que encontram em Braga, do lado da fronteira portuguesa, a loja mais próxima.