Casa Eficiente entra em funcionamento até junho

Ana Tavares |
Casa Eficiente entra em funcionamento até junho

Manuel Reis Campos, presidente da Confederação, explicou à Lusa que esta linha vai disponibilizar «acesso a empréstimos em condições muito favoráveis para obras de melhoria do desempenho ambiental das casas e edifícios maioritariamente habitacionais». Podem ter este apoio todos os proprietários, «independentemente da sua dimensão ou localização geográfica», esclareceu o responsável.

Numa primeira fase, o Casa Eficiente vai envolver cerca de 100.000 habitações e 200 milhões de euros. Juntamente com os ministérios envolvidos, a CPCI vai implementar este programa. Com o apoio de entidades como a ADENE, a APA ou a EPAL criará o Portal Casa Eficiente, um balcão virtual que vai receber as candidaturas ao programa e disponibilizar mais informação sobre o mesmo.

Inicialmente previsto para o 1º trimestre deste ano, o programa aguarda aprovação do Banco Europeu de Investimento.