Angola tem centenas de hotéis em falência técnica

Ana Tavares |
Angola tem centenas de hotéis em falência técnica

A informação é da Associação dos Hotéis e Resorts de Angola, citada pelo Expansão, segundo a qual estas unidades podem fechar portas a curto prazo. Este número representa cerca de 17% do universo de 3.000 empresas registadas no sector, numa altura em que a crise do país «está a atirar várias empresas do sector hoteleiro e turístico para a falência, provocando o despedimento de milhares de profissionais».

Isto porque a «quase paralisação» da economia tem gerado taxas de ocupação muito baixas, com uma média diária de 20%, o que a AHARA considera «catastrófico» para os investidores. Ramiro Barreira, secretário-geral da Associação dos Hotéis e Resorts de Angola, alertou os hoteleiros em Abril para que os preços estejam de acordo com o poder de compra dos clientes, por forma a aumentar a taxa de ocupação dessas unidades. São várias as que registam taxas de ocupação entre os 5% e os 15%.