Angola aprova novos financiamentos de $416M para Laúca

Ana Tavares |
Angola aprova novos financiamentos de $416M para Laúca

 

Esta informação consta de 2 despachos presidenciais que datam do final de Dezembro, aos quais a Lusa teve acesso, que aprovam estes acordos de financiamento. Um deles será assinado com o Standard Chartered Bank (SCB), num valor superior a 266 milhões de dólares, que vai cobrir o projecto do sistema de transporte de energia associado à barragem. Segundo o Observador, no mesmo despacho presidencial é revogado um outro financiamento ao projecto com data de 12 de Julho de 2017.

Por outro lado, o outro acordo, com data de 28 de Dezembro, será feito entre a República de Angola e a GEMCORP, no valor de 150 milhões de dólares, destinados à cobertura do défice do projecto.

No mesmo documento pode ler-se que «a estratégia do executivo, no que concerne à diversificação das fontes de financiamento para a cobertura de projectos de investimento, impõe a necessidade de criação de condições técnicas para a concretização e operacionalização de projectos do sector da Energia e Águas integrados no Programa de Investimento Público, no âmbito da Política para o Desenvolvimento Económico e Social do país».

De recordar que a barragem de Laúca, no rio Kwanza, representa um investimento de 4.300 milhões de dólares do Estado angolano, a maior obra pública do país.