ADENE lança novo portal “Poupa Energia”

Ana Tavares |
ADENE lança novo portal “Poupa Energia”

 

Trata-se de um portal destinado aos consumidores de gás e eletricidade, que faculta toda a informação disponível sobre as ofertas dos comercializadores de eletricidade e gás natural disponíveis no mercado liberalizado em todo o país. Os interessados, podem, assim, conhecer de forma detalhada os seus consumos e a oferta do mercado, por forma a fazer uma escolha mais informada. Através de vários tipos de simulações, os consumidores podem avaliar o seu perfil de consumo ao detalhe, e determinar que comercializadores são mais adequados ao seu caso.

O novo portal pretende servir um universo de 6,1 milhões de consumidores de eletricidade e 1,5 milhões de consumidores de gás natural. Disponibiliza também informação relevante sobre eficiência energética, possibilidade de pesquisa de perguntas frequentes, esclarecimentos e dúvidas e informação sobre a tarifa social.

João Paulo Girbal, presidente da ADENE, notou durante uma apresentação aos jornalistas que esta ferramenta se destina «a todos os indivíduos», incluindo empresas e consumidores domésticos. «O serviço é gratuito para todos os elementos, e terá um crescimento orgânico. Não pretendemos que seja o único do mercado», avançou. «Esta plataforma pretende informar e formar o consumidor de energia, dotando-o do máximo conhecimento sobre os mais variados aspetos do mercado energético liberalizado, de forma a possibilitar as melhores opções na defesa do interesse de cada um».

O portal funciona em conformidade com as mais recentes determinações da Comissão Nacional de Proteção de Dados, e marcará presença na rede de espaços do cidadão gerida pela Agência para a Modernização Administrativa, o que pretende permitir «que todos os consumidores de energia em Portugal e com acesso limitado à internet, possam efetuar uma simulação e, se entenderem, solicitar a mudança de comercializador, em qualquer espaço do cidadão gerido pela Agência para a Modernização Administrativa».

O portal pode ser acedido aqui.