1ª fase do empreendimento Prata com investimento de €70M

Ana Tavares |
1ª fase do empreendimento Prata com investimento de €70M

 

Nesta etapa, foram investidos cerca de 70 milhões de euros, de acordo com o DN. O lote 8 está concluído e já está no mercado, e o lote 7 já está em construção. Este primeiro prédio tem um total de 28 apartamentos T2 a T5+1, dos quais 20 já foram vendidos. Por seu lado, o lote 7 estará pronto no final de 2019.

Este projeto compreende um novo empreendimento de 12 lotes e área bruta de construção de 244.000m², num máximo de 499 fogos, a concluir até 2027, com preços até 2 milhões de euros. Tem assinatura do gabinete internacional Renzo Piano Building Workshop.

O Empreendimento Prata vai conjugar escritórios, comércio e habitação numa só zona contígua à área de intervenção do Parque das Nações, um novo bairro na cidade de Lisboa, segundo o promotor. Jon Brion Sanches, presidente executivo da Norfin, sociedade que está a gerir este projeto, explica que, tendo em conta os dois lotes mencionados, «estamos a falar num investimento de cerca de 70 milhões de euros» que, no total, «será muito mais do que isto», disse à Lusa, sem avançar valores.

Esta construção foi iniciada em 2012, depois de o projeto ter sido apresentado, retomando o processo de regeneração urbana iniciado com a Expo 98, processo que entretanto foi interrompido. Nesta altura, previa-se um investimento privado de 220 milhões de euros.

Em 2013, a Norfin passou a gerir o projeto, em nome do Fundo de Investimento Imobiliário Fechado Lisfundo, suportado por verbas do Novo Banco e da CGD, segundo o DN. Depois de ultrapassados constrangimentos de licenciamentos, a construção foi retomada em 2016.

 

 

 

Foto: DN