Bancos europeus vão financiar Caculo Cabaça

Ana Tavares |
Bancos europeus vão financiar Caculo Cabaça

 

O despacho presidencial em causa dá nota da contratação do empréstimo e informa haver «necessidade de garantir financiamento para o fornecimento e instalação dos equipamentos electro-mecânicos para o Aproveitamento Hidroeléctrica de Caculo Cabaça, inserido no Programa de Investimento Público», cita a Macauhub.

O aproveitamento hidroeléctrico será a maior barragem de Angola dentro de 5 anos, gerando 2.172 megawatts de energia eléctrica.

De recordar que, em Outubro passado, o presidente da Comissão Executiva do Standard Bank Angola, Luís Teles, afirmou que o grupo e o Banco Industrial e Comercial da China estavam disponíveis para o financiamento da construção da barragem, duas entidades que têm financiado vários projectos em Angola.

A construção da barragem de Caculo Cabaça está avaliada em mais de 4.500 milhões de dólares.