Angola constrói 122.000 habitações até 2022

Ana Tavares |
Angola constrói 122.000 habitações até 2022

 

Segundo o director nacional da Habitação, Adriano Silva, destas 122.000 habitações, 80.000 dizem respeito à Imogestim e 42.000 à Kora Angola, correspondentes a novas centralidades do país.

A construção deverá acontecer a par da disponibilidade de recursos financeiros. O Governante explicou, durante o Fórum Nacional de Urbanismo, citado pelo Jornal de Angola, que «a meta é atingir um milhão de fogos e esta faz parte do Programa Nacional da Habitação que vai sendo realizado a pouco e pouco ao contrário dos programas inseridos no Plano de Desenvolvimento Nacional, cuja meta é 2022».

75.033 das 80.000 habitações a cargo da Imogestin já estão concluídas. Apenas 15.674 dos fogos a cargo da Kora Angola estão concluídos.

Decorre paralelamente o programa nacional de construção de 200 fogos por município, num total previsto de 26.000 casas, das quais estão concluídas 11.152. Apenas o Cunene está próximo de atingir os níveis de execução previstos, com 1.024 habitações concluídas.