Pavilhão Rosa Mota pronto dentro de 6 meses

Ana Tavares |
Pavilhão Rosa Mota pronto dentro de 6 meses

 

O espaço foi concessionado a um consórcio privado, composto pela Lucios, Oliveira Santos Consultores e PEV Entertainment, pela Câmara do Porto em 2017, por 20 anos, num contrato que contempla a reabilitação, exploração e instalação de um centro de congressos no interior do pavilhão.

De acordo com o consórcio, citado pela Lusa e pelo Idealista, o Pavilhão Rosa Mota será dotado das «mais modernas e recentes tecnologias», com bancadas retráteis e versatilidade para acolher feiras, espetáculos para 8660 pessoas, eventos desportivos para 5580 pessoas e um centro de congressos para 4727 pessoas com salas de apoio que totalizam mais 1400 lugares.

As empresas comprometeram-se também a pagar 4 milhões de euros à autarquia pela utilização e exploração do equipamento por estes 20 anos.