Número de mediadoras imobiliárias cresce 14%

Ana Tavares |
Número de mediadoras imobiliárias cresce 14%

Esta é uma das conclusões que a Keller Williams partilha num relatório recente, o KW Portugal Real Estate Insights, que mostra que em junho existiam 6.864 empresas de mediação imobiliária, mais 14% face a junho do ano anterior, e mais 51% face a junho de 2016.

Este aumento acontece num contexto de mercado dinâmico. No 1º trimestre deste ano, o número de transações residenciais aumentou 7,6% face ao primeiro trimestre do ano passado, e de 12,9% em termos de valor global transacionado.

Nos primeiros 4 meses do ano, o volume de novos créditos à habitação atingiu os 3.155 milhões de euros, mais 6,3% face a igual período do ano passado. E o valor médio de avaliação bancária continuou a atingir máximos históricos, atingindo os 1.264 euros por metro quadrado no passado mês de maio.

A KW salienta que este indicador «é um excelente barómetro da forma como as instituições financeiras estão a encarar o dinamismo do próprio mercado imobiliário, pelo que, o facto de a tendência ser similar à dos preços de mercado é um sinal relevante de que não existe (à partida) qualquer tipo de bolha ou de movimento especulativo de fundo a inflacionar artificialmente os asking prices atualmente a serem pedidos pelos proprietários».

Por outro lado, apesar de se manterem em terreno negativo desde 2008, as expetativas de compra ou construção de habitação para os próximos 12 meses (dados trimestrais) cresceram dos -90,9% em junho para os 87,5% em abril, o melhor valor da série.