Escritórios

Ageas procura inquilino para o edifício Castilho 2-4

Ana Tavares |
Ageas procura inquilino para o edifício Castilho 2-4

A JLL e a Cushman & Wakefield estão encarregues da comercialização deste edifício do Grupo Ageas Portugal, que o adquiriu no final do ano passado, e investiu na sua remodelação e reposicionamento. As obras já estão a decorrer e deverão ser concluídas já em março de 2021.

Os 2.900 m² de escritórios do Castilho 2-4 são distribuídos por 7 pisos, contando com 4 pisos de estacionamento subterrâneo. Nota para a particularidade de interligação entre os pisos 5º e 6º, com terraço no último.

Mariana Rosa, Head of Office, Logistics Agency & Transaction Management da JLL comenta em comunicado que «o Castilho 2-4 é a morada ideal para empresas que queiram instalar a sua sede numa localização de prestígio, obtendo por esta via uma maior visibilidade e reconhecimento». Salienta que «conjuga uma localização prime, rodeada de bons acessos rodoviários e de transportes, com a disponibilidade de espaço e, claro, qualidade e modernidade; além de que é um dos poucos ativos existentes neste eixo totalmente disponível para ocupação».

Segundo Amílcar Marques da Silva, Partner do departamento de escritórios da Cushman & Wakefield, «o Castilho 2-4 está a ser alvo de uma profunda adaptação, que ficará concluída no final do primeiro trimestre de 2021, e que passará a oferecer condições de ocupação de topo no que respeita à qualidade de ar, circulação e conforto térmico. Acresce ainda uma localização no coração da cidade com vistas e terraços. É sem dúvida a opção ideal para quem não prescinde de qualidade, centralidade, conforto e autenticidade».