Sonae Sierra

SIGI do Bankinter e Sonae Sierra conclui primeiras aquisições por €37M

Vanessa Sousa |
SIGI do Bankinter e Sonae Sierra conclui primeiras aquisições por €37M

Aquela que é a primeira Sociedade de Investimento e Gestão Imobiliária (SIGI) selou a compra de um portfólio composto por supermercados e hipermercados, que juntos somam 21.227 m2. Os ativos localizam-se no Porto (Asprela), em Santa Maria da Feira (freguesia de Mozelos), na Covilhã, em Faro e na Amadora (freguesia da Reboleira), revela o comunicado divulgado esta quarta-feira na CMVM.

Estas 5 superfícies comerciais agora adquiridas possuem contratos de arrendamento de longa duração com operadores no sector, o que assegura a sua rentabilidade imediata. Em concreto, 4 estão arrendadas ao Continente e uma ao Pingo Doce, avança o mesmo documento.

Esta sua primeira operação no mercado foi fechada cerca de 8 meses depois de Sonae Sierra e Bankinter terem anunciado o seu lançamento no mercado com uma capacidade para investir 100 milhões de euros, e apenas um mês depois da sua entrada na Euronext Access Lisboa.

Segundo avançam as empresas num comunicado enviado às redações, esta aquisição insere-se na «estratégia definida para a ORES Portugal, contribuindo decisivamente para o cumprimento dos objetivos de investimento em ativos imobiliários estáveis, situados em importantes zonas urbanas do país e com um horizonte temporal de largo prazo». Alberto Ramos, CEO do Bankinter Portugal, acrescenta ainda que «esta operação, pioneira em Portugal, reafirma também o nosso compromisso com o desenvolvimento económico em Portugal e representa um contributo importante para a dinamização de um dos seus setores mais relevantes». Também Alexandre Fernandes, Head of Asset Management da Sonae Sierra, não tem dúvidas que «estas primeiras aquisições representam um passo muito importante na execução da nossa estratégia de investimento».

Foi em dezembro passado que Sonae Sierra e Bankinter lançaram a ORES Portugal, replicando em Portugal o seu veículo «bem-sucedido» que opera em Espanha, a Olimpo Real Estate SOCIMI. No momento, os planos para a jovem SIGI portuguesa continuam a seguir caminho. Alexandre Fernandes assegura que «continuamos atentos ao mercado, onde temos identificados vários ativos imobiliários que reúnem as condições para se integrarem neste portefólio no curto e médio prazo».