Negócios

Interfundos vende edifícios Via Gaia e Júlio Dinis, no Porto

Felipe Ribeiro |
Interfundos vende edifícios Via Gaia e Júlio Dinis, no Porto

A Sociedade Gestora Interfundos vendeu dois edifícios na Área Metropolitana do Porto: os edifícios Via Gaia e Júlio Dinis. A CBRE assessorou a Interfundos na venda nos dois edifícios à Fortera e à Horizonte Urbano Group, respetivamente. Segue-se uma transformação profunda ao edifício.

O edifício Via Gaia, que se situa numa zona central da cidade de Gaia, tem uma área superior a sete mil metros quadrados e vai beneficiar da proximidade à futura linha de metro que ligará Gaia ao Porto.

Elad Dror, CEO do Grupo Fortera, refere que «estamos a projetar uma remodelação que posicionará este edifício como um dos melhores escritórios em Gaia. Oferecerá todas as amenidades aos seus inquilinos, como rooftop com vista para o Douro, ginásio, restaurantes e amplos espaços de trabalho. Esta será ainda, no futuro, a nova sede da Fortera, que muito orgulho nos trará».

Via Gaia
Via Gaia

O edifício Júlio Dinis, que se localiza no centro do Porto, trata-se de um edifício de escritórios com quatro mil e oitocentos metros quadrados que será remodelado e convertido em residencial, indo ao encontro da procura de gama alta que se encontra nesta zona.

Nuno Esteves, CEO da Horizonte Urbano Group, sublinha que «esta é mais uma importante aquisição para o nosso portfolio e será sem margem para dúvidas, um projeto residencial de referência no centro da cidade. Vamos desenvolver um empreendimento de grande qualidade, flexível e perfeitamente adaptado às novas tendências do setor».

Miguel Alvim, Head of Development Properties da CBRE Portugal, refere que a «Área Metropolitana do Porto tem gerado crescente interesse em diferentes perfis de investidores, tanto privados como institucionais, nacionais e internacionais. Estas duas transações vêm comprovar a forte dinâmica que se vive no mercado de escritórios e residencial, com especial foco em ativos para reposicionar. É previsível que toda a Área Metropolitana do Porto continue a ganhar relevância no panorama nacional nos próximos meses, com várias outras transações em fase de conclusão.”, afirma Miguel Alvim, Head of Development Properties da CBRE Portugal».