Compra de portfólio de retalho marca estreia da AEW em Portugal

Ana Tavares |
Compra de portfólio de retalho marca estreia da AEW em Portugal

O portfólio em causa inclui 4 imóveis na Avenida da Liberdade e na rua Augusta, em Lisboa, arrendados a insígnias como a Armani Exchange, Bash ou Pinko, além de outros 4 ativos no Porto, na rua de Santa Catarina, também 100% ocupados por marcas como a Adidas ou a Rituals. O conjunto compreende um total de 5.300 m².

Nikos Koulouras, Co-Head of Investments dos fundos de Private Equity da AEW na Europa, comenta que «a AEW realiza assim os seus primeiros investimentos em Portugal, o que marca uma grande etapa da sua estratégia de investimento na Europa. Portugal tem uma economia em crescimento, que já ultrapassa a média europeia em 2018, contando com bons indicadores de confiança do consumidor e um mercado de ocupação positivo».

Por seu turno, Christina Ofschonka, Fund Manager para o retalho europeu da AEW na Europa, comenta que «esta transação enriquece o portfólio do fundo com novos ativos de grande qualidade que vão permitir continuar a gerar receitas duráveis e estáveis. Estamos muito contentes com a possibilidade de diversificação do portfólio do “Le Fonds” com a aposta em Portugal».

Mas o investimento em Portugal não vai recair só sobre o retalho, também os escritórios são atrativos para a AEW. Koulouras completa que «além dos ativos de retalho, olhamos também para o mercado de escritórios bem situados, seguindo uma estratégia de value-add, pois acreditamos no crescimento contínuo da economia portuguesa e dos fundamentais do mercado de escritórios em Lisboa».