IFRRU arranca no Funchal

Ana Tavares |
IFRRU arranca no Funchal

 

A obra vai custar um total de 645.000 euros, a concluir no final do 1º semestre deste ano. O financiamento ficará a cargo do Santander Totta.  

Esta é uma das instituições financeiras parceiras deste programa de reabilitação urbana. O Santander Totta tem 713 milhões de euros disponíveis para o financiamento de projetos de reabilitação e revitalização urbanas ao abrigo do IFRRU 2020

Através do IFRRU, os interessados beneficiam de uma taxa de juro mais favorável e de uma comissão inicial única, que inclui dossier, avaliação e formalização. Os montantes de financiamento podem ir até 20 milhões de euros, com prazos de maturidade de 20 anos para arrendamento e de 7 anos para venda, e carência até 4 anos.