Fernanda Cerqueira
2018-07-25
Lisboa e Porto definem 'áreas de contenção' ao alojamento local
São as duas cidades onde o alojamento local tem maior impacto e são também aquelas que já identificaram as primeiras áreas onde não serão aceites novas unidades. Alfama, Mouraria e Castelo, em Lisboa, não vão aceitar novas unidades.

 

O Parlamento aprovou as novas regras do regime do alojamento local há sensivelmente uma semana, a lei ainda não está em vigor, mas as Câmara Municipais de Lisboa e do Porto estão já a trabalhar na definição das designadas ‘áreas de contenção’, zonas onde vigorarão quotas máximas de alojamentos locais ou onde não podem mesmo ser aceites novas unidades.

De acordo com o Público, as zonas de Alfama, Mouraria e do Castelo, em Lisboa, não aceitarão novos alojamento locais, seja na modalidade de apartamento, em prédios habitacionais, sejam novos hostels. Mas os limites não deverão ficar por aqui estando em estudo a imposição de limites a mais zonas.

A norte, no Porto, a Câmara reconhece «zonas da cidade com maior concentração de alojamento local» e diz ser «importante diversificar fluxos», mas não avança áreas ou limites, remetendo esta decisão para momento posterior aos resultados de um estudo que está em curso. Em resposta ao Público, a autarquia conta que na sequência da entrada em vigor da taxa turística municipal, em março deste ano, «está neste momento em curso o mapeamento que irá indicar os níveis de concentração efetivos deste tipo de alojamento».

As alterações recentemente aprovadas desagradaram a Associação do Alojamento Local em Portugal (ALEP), que fala em «discricionariedade», nas decisões camarárias, e de «conflitualidade» nas relações de vizinhança. «Corremos o risco de cada Câmara ter o seu conceito de sobrecarga», referiu Eduardo Miranda, presidente da ALEP, que se revela preocupado também com uma outra alteração que dá poder aos condóminos para pedir às Câmaras o encerramento de uma unidade de alojamento local, em prédio habitacional, por perturbação à «normal utilização do prédio».

 

 

SE JÁ É ASSINANTE FAÇA LOGIN
Ainda não é assinante
Garanta e acompanhe toda a informação da Vida Imobiliária, atual, rigorosa e independente.

Vantagens da assinatura Vida Imobiliária (digital+impressa)

  • Acesso a todos os conteúdos de atualidade em www.vidaimobiliaria.com
  • Informação diária da atualidade de Portugal, Angola e Moçambique
  • Subscrição de E-news de Portugal e Angola
  • Acesso a Edições eletrónicas - Acessível por PC ou tablet
  • Recebe edições impressas da revista Vida Imobiliária
  • Presença gratuita, e exclusiva, nos debates dos Almoços Vida Imobiliária.
  • Desconto 20% na Loja Vida Imobiliária
  • Oferta de livros

Vantagens da assinatura Vida Imobiliária (digital)

  • Acesso a todos os conteúdos de atualidade em www.vidaimobiliaria.com
  • Informação diária da atualidade de Portugal, Angola e Moçambique
  • Subscrição de E-news de Portugal e Angola
  • Acesso a Edições eletrónicas - Acessível por PC ou tablet
  • Escolha a modalidade que mais se adapta às suas necessidades
Digital Trimestral Digital Anual Individual Corporate Trienal
19,99€ 49,99€ 94€ 170€ 220€
- Revista digital
- Acesso a todos os conteúdos digitais
- 10 Edições digitais /ano
- Presença no website
- Desconto exclusivo na loja
- Oferta 1 livro
- Revista em papel
-Revista digital
- Acesso e lugar reservado em eventos
- Desconto exclusivo na loja
- Oferta 2 livros
- 2 Revistas em papel
- Revista digital
- Acesso digital para 20 utilizadores
- Acesso e lugar em eventos para 2 pessoas
- Desconto exclusivo na loja
- Oferta 3 livros
- Revista em papel
- Revista digital
- Acesso digital para 10 utilizadores
- Acesso e lugar em eventos para 2 pessoas
- Desconto exclusivo na loja
- Oferta 3 livros
Para prosseguir com o pedido de assinatura, realize por favor o registo. Em caso de qualquer duvida envie-nos um e-mail para gestao@vidaimobiliaria.com ou ligue-nos para o telefone 22 2085009
ASSINE JÁ